#38 MAD TEA PARTY (D)

Formada no início de 2003 e ainda na ativa, D é uma banda fortemente vinculada ao Visual Kei. É composta por ASAGI nos vocais, Ruiza e HIDE-ZOU nas guitarras, Tsunehito no baixo e Hiroki na bateria. Suas músicas, com temáticas obscuras e românticas, misturam o peso do metal com melodias envolventes e têm como característica bastante própria a voz profunda e expressiva de ASAGI. A banda, que já veio ao Brasil em sua turnê mundial, teve seu sucesso relativamente cedo no Japão, conquistando boas posições nos charts desde os primeiros lançamentos.

Conheci aleatoriamente essa banda, ao baixar por curiosidade o album “The name of the ROSE”, de 2006. Me encantei já na primeira faixa, a DAY DREAM, gostei da melodia e da voz do cantor, achei interessante como casou. Músicas como GOD’S CHILD, Ever After e Art de la Pista seguem a mesma linha. Mas foi com a “yami yori kurai doukoku no acapella to bara yori akai jounetsu nu aria” que eu realmente gostei da banda. Tem aquele equilíbrio de gritaria com melodia, elementos que eu presto atenção e me agrada muito.

Fiquei ouvindo esse album durante muito tempo, achava difícil achar material deles na internet.. Era difícil colocar “D” no google, aparecia um monte de coisa ahahaha. Dois anos depois, em um blog randômico, achei outros albums deles, confesso que tem muita música que não gostei, mas não perdi a esperança.

Uma época decidi ouvir toda a discografia novamente, aquela famosa segunda chance, aí comecei a filtrar as músicas que eu realmente gostei (tanto que fiz uma setlis bem bacana, está no final do post). Tem horas que a voz do Asagi me cansa, tem horas que me encanta hehehe

Para esse post, trago a música MAD TEA PARTY, do single “Yami no kuni no Alice”, sim, é uma alusão ao Alice no País das Maravilhas (confira a letra logo mais). Recentemente anunciaram um hiatus, mas é uma das bandas que mais lançava material. Sempre um single com 3 faixas bônus que não entravam no album seguinte. O que me deixava maluco, pois gosto de ouvir o album e colocar as b-sides dos singles tudo junto hahaha



Mad Tea Party 
(Tradução)


Bem, hoje é um maravilhoso, dia feliz
Podemos começar essa diferente festa com bonitos trajes?
Vamos lá, para qualquer lugar que você desejar. Qual é seu sabor favorito?
As vozes cansadas, para começo, podemos ter chá rosa
Apesar de ela não matar sua sede, as palavras transbordam
Você não verá nada através do copo vazio
Não tem nenhum sentido em nós


As pessoas que dizem que pão não voa no céu dizem que estou louco
Quem decide isso? Até o pão quer se tornar uma borboleta
O senso comum do lado oposto desse mundo o vira de cabeça pra baixo
O coração dormente é um grande trunfo. A verdadeira rainha.
A vida é como um baralho de cartas



‘loucos são como uma marcha de lebres’
‘louco é o chapeleiro’


Camuflados, aqueles que fecharam a porta pra verdade são loucos
Sorrindo como o gato xadrez. Onde eu poderei ir?
E se você estiver perdida, não é a mesma onde quer que vá?
A linha da loucura e da sanidade. Eu vejo a cor da punhalada e digo
Ninguém sabe. Minha calda apontará o caminho
Tem cheiro de mentira. Uma saída não é ruim, quer?
Ouça a história do rato que dorme
Se algo pode ser criado do nada, um sonho pode ser criado do sofrimento
Paradoxo real e irreal, o mundo em uma mão
Se você dançar, não vai existir um gato que não irá sorrir



 

chasefaster

chasefaster

Me chamo Edu D’Angelo, mais conhecido como Chase Faster! Nasci em Outubro de 1984 (Libra com ascendente em Libra) e sou um Proudly Nerd assumido! Sou apaixonado pelo universo Geek (Action Figures, Comics, Animes, Filmes dos Anos 80, Seriados antigos, Teatro, Circo, Exposições e Shows) e desde 2006, crio um Setlist mensal com as músicas que mais ouvi naquele mês. Dez anos depois, estou aqui relatando tudo o que venho vivenciado por São Paulo, com muita nostalgia oitentista.