[Review] VAMPS (Cine Jóia – São Paulo – 27/09/2015)

Venho contar um pouco sobre como foi essa noite da apresentação de VAMPS no Brasil. Vou falar sobre a banda, seus albums, as músicas favoritas, o que eu esperava e o que eu achei, regado de muito saudosismo, espero que gostem 🙂

VAMPS é formado por HYDE (vocalista da banda L’Arc~en~Ciel) e K.A.Z (guitarrrista da Oblivion Dust), com o apoio de Ju-Ken no baixo, JIN nos teclados e Arimatsu na bateria. Seu primeiro álbum, VAMPS, levando o nome da banda, foi lançado em junho de 2009. Lembro muito bem do lançamento deste album, pois tinha criado tanta expectativa, por amar L’Arc~en~Ciel, e não me enganei, amei todas as músicas, achei elas super bem executadas e com aquela pegada rock que tanto curto. Destaco as músicas REDRUM e SEX BLOOD ROCK’N ROLL como as minhas favoritas.

Vamps_white

Na mesma época, eles lançaram no Japão uma revista mensal, também chamada VAMPS (eles colocam esse nome em tudo hahahaha). Eu a achava muito legal e a conseguia através de comunidades de scans de J-Rock no Orkut (que saudades dessa fase, era mais fácil achar esses materiais japoneses). Ela tinha um design tão bonito (me seduzia bastante a diagramação, já que estava trabalhando como designer gráfico numa empresa de tabloides), imagens estouradas, Hyde e K.A.Z fazendo vários ensaios fotográficos, setlists de shows e registro dos bastidores… Pena que era tudo em japonês, eu priorizava as imagens mesmo.

beast-vamps

Enfim, depois de quase um ano, lançaram o BEAST, em Julho de 2010, o meu álbum favorito! Posso explicar com muito orgulho, nessa época eu tocava de DJ e organizador na festa ALTERNA J-ROCK, em São Paulo, e fiz um especial “HYDEEVA’S PARTY” (Hydeeva apelido carinhoso para o HYDE, devido as suas poses sexys e ousadas ahahaha) e fiz um setlist especial mesclando as músicas de L’Arc e VAMPS. Abrindo sempre a pista com a maravilhosa música DEVIL SIDE, que tem uma pegada bem rock com elementos eletrônicos, perfeito pra dançar e gritar na pista hahahaha.

Hydeeva Alterna Jrock hy

Destaco também ANGEL TRIP, MEMORIES, EUPHORIA, REVOLUTION, THE PAST e minha favorita VAMP ADDICTION. Sim, as músicas têm o nome em caixa alta, não sei por que também, mas adoro, pois no player fica visualmente mais bonito (comentário besta rs). Em 2010 senti que eles vieram pra ficar, com esse álbum maravilhoso e bem executado. Hyde gritava que nem o Kurt Cobain, deixando claro a sua influência “Nirvânica”.

Nesse período, continuavam fazendo shows tanto que foram até à América Latina, no Chile fazer uma apresentação exclusiva! Vários amigos, que eu tinha conhecido no Orkut, foram, invejei cada foto hahahaha. Infelizmente não pude ir por causa do trabalho fixo.

VAMPS「SEX BLOOD ROCK N' ROLL」

Em 2013, lançaram o SEX BLOOD ROCK’N ROLL com as melhores músicas dos outros dois álbuns cantadas em inglês. Ouvi poucas vezes esse disco, pois já tenho gravado na cabeça a Hydeeva cantando em japonês as mesmas músicas, criei até certa antipatia, mas calma, já passou.

vampsbloodsuckersbanner

Pertinho do Dia das Bruxas, ou o adorado Halloween, lançaram em outubro de 2014, o álbum BLOODSUCKERS, continuando a mesma linha rock de antes. Destaco a música EVIL como minha favorita, adoro os rugidos da HYDEEVA. Esse álbum rendeu três singles e cinco video-clipes. Desde que conheci J-Rock, tenho a estranha mania de ver e rever os mesmos clipes várias vezes, foi o que aconteceu com esses novos do VAMPS, achei super bem produzido, mostrando que eles realmente são belos profissionais e se preocupam em agradar aos fãs. Fiquei bem fascinado com esses novos trabalhos. Destaco o clipe THE JOLLY ROGER, com temas de piratas vampiros, bem legal (pena que essa música não tocou no show)!

Ao mesmo tempo que seguia a minha vida por aqui, ficava de olho nos lançamentos japoneses (DIR EN GREY, lynch, The GazettE, GACKT, etc) e via que VAMPS estava na estrada, fazendo maravilhosas apresentações no Japão. Assisti vídeos e mais vídeos deles no palco, com um cenário todo vermelho, sombrio, dando maior clima legal para as músicas. E surpreendemente anunciaram um show aqui no Brasil. No primeiro instante fiquei bem desconfiado, só acreditei quando comprei o ingresso e só caiu a ficha quando o HYDE fez aquele vídeo no Brasil, segurando uma cerveja nacional e fazendo careta. Nesse instante me dei conta que que SIM, VIERAM PARA O BRASIL!!!

vamps_cine_joia

Logo na liberação dos ingressos já fui correndo comprar de manhã, no primeiro dia. Era para ser no Espaço das Américas, mas devido às poucas vendas, o show foi transferido para o Cine Jóia, o que me faz amar a escolha, pois adoro aquele lugar. Já vi shows fantásticos ali, como da Icona Pop, Tame Impala, Adore Delano e Banda Uó. O bom dessa casa de show é o estilo da pista, meio em “descida”, ou seja, não fica nenhuma cabeça na sua frente hehehe A casa fica na Liberdade, o principal bairro da cultura oriental de São Paulo, uma escolha bem concisa.

Depois de tanto tempo adorando a Hydeeva, cerca de dez anos, finalmente poderia ver o meu ídolo ao vivo. Chegado o esperado dia, um domingo de sol e repentina chuva no cair da tarde. Não consegui chegar antes, não peguei fila, entrei direto com meus amigos. Casa cheia, povo bem animado, pista vip com muita gente e a normal com todo mundo ali perto da grade, mas sem invadir o território do outro (obrigado pela estrutura Cine Jóia). Peguei o canto direito da pista, bem ali no cantinho, ficamos ali parados cheio de expectativas e qualquer movimento no palco, a casa toda gritava. E dito e feito, estavam entrando no palco.

vamps cine joia sao paulo

Assim que o Hyde entrou no palco eu travei, não sabia se ria, se chorava, se pulava, se cantava… Fiquei ali parado observando, ele realmente existia! E que baixinho, sedutor e incrível ele é! Ao longo das músicas, ele se mostrou uma pessoa bem animada, profissional, sem deixar de conversar com a gente (ele tinha uma colinha com frases em português). Não entendi a maioria das palavras que ele disse, mas qualquer coisa que era dita, todo mundo gritava positivamente em resposta.

Foto de Thiago Almeida.

Tudo o que eu vi nesses anos ele fez ao vivo, as giradinhas, as lambidas, batendo cabelo, deitando no palco, gritando muito, pulando na caixa de som, fiquei muito encantado ao ver como ele consegue dominar o palco e a atenção de seu amistoso público. Achei muito engraçado quando ele socou uma bexiga vermelha e inocente no ar, logo um monte de gente começou a atacar as bexigas no palco hahahaha E que pique para um cara de 46 anos!! É a minha inspiração para ser uma pessoa animada, característica que todos falam que tenho. Taí minha diva, minha gente, sambando aqui finalmente!! hahahahaha

VAMPS tocou um setlist incrível, com muito equilíbrio entre as mais agitadas e as mais calminhas, o que ajuda o público a descansar um pouco. Eu não parei de pular quando ele tocou LIVE WIRE, cover de Motley Crue e faixa b-side do single DEVIL SIDE. O mesmo digo para TROUBLE, lembram dessa música? Todos se lembram, pois foi faixa-tema do filme Power Rangers hahahaha. Dessas b-sides, faltou só Life on Mars? Do David Bowie, quem sabe eles ainda toquem no Chile?

Foto de Thiago Almeida.

Foto de Thiago Almeida.

E a surpresa da noite foi MIDNIGHT CELEBRATION, faixa do álbum 666, da carreira solo do HYDE. Eles conseguiram fazer um show bem intenso, com músicas animadas e pesadas, quem não morreu de pular na música BLOODSUCKERS, quando tocaram três vezes? Sim, três vezes!! Vi todo mundo pulando e gritando, esgotando as energias dessa galera mega animada. Ju-Ken e K.A.Z mexiam os braços para cima agitando ainda mais o público! Passado uma hora e meia de show, se despediram com SEX BLOOD ROCK’N ROLL, mas deixaram um belo gostinho de quero mais. O gostoso foi rever os amigos no final do show, todo mundo se reencontrando e tirando fotos, foi um clima muito bonito e emocionante.

larchat hydeeva

Foto de Laís Delbianco.

Conheci grandes amigos no Orkut, na comunidade “L’Arc~en~Ciel Brasil”, amizade de dez anos já, do Brasil inteiro. Um grupo menor e mais presente da comunidade criou o saudoso “L’Archat”, eram horas e horas de mensagens no MSN, dando risadas de interninhas como “HYDE SEU GOSOTOSO”, “Nossa o Ken tem um PINTO ROSA GIGANTE?”… Saudades disso. No final do show reunimos a galera presente do L’Archat e registramos o nosso momento, com um gostinho de “VEM PRO BRASIL L’Arc~en~Ciel”!

larchat

Foto de Deise Bueno.

 

Foto de Rafael Gaudeoso.

Foto de Rafael Gaudeoso.

Um plus!! O Cine Jóia pediu para o povo ir embora da casa para a banda poder desmontar o equipamento e poder partir. Foi o que fizemos, ficamos lá do lado de fora celebrando o que tínhamos acabado de ver, quando as portas se abrem e o carro da equipe do VAMPS chega para buscar a banda. Rapidamente a galera cercou a van e gritando muito pelo HYDE e K.A.Z. Essa cena passou tão rápida, mas foi muito legal ver eles entrando na van, nos saudando com sorrisos e tchauzinhos. Um verdadeiro ato “fan-girl”, um momento que esperamos por dez anos. Emocionante, te amo Hydeeva, volte sempre!

Setlist (Cine Jóia – São Paulo – 27/09/15):

  1. WORLD’S END
  2. LIPS
  3. LIVE WIRE
  4. REPLAY
  5. GET AWAY
  6. DAMNED
  7. EVIL
  8. VAMPIRE’S LOVE
  9. ZERO
  10. ANGEL TRIP
  11. TROUBLE
  12. BLOODSUCKERS (x 3)
  13. MIDNIGHT CELEBRATION
  14. REVOLUTION II
  15. SWEET DREAMS
  16. DEVIL SIDE
  17. SEX BLOOD ROCK’N ROLL

Fiz um vídeo de um trechinho da música REVOLUTION, subi no no Youtube:

chasefaster

chasefaster

Me chamo Edu D’Angelo, mais conhecido como Chase Faster! Nasci em Outubro de 1984 (Libra com ascendente em Libra) e sou um Proudly Nerd assumido! Sou apaixonado pelo universo Geek (Action Figures, Comics, Animes, Filmes dos Anos 80, Seriados antigos, Teatro, Circo, Exposições e Shows) e desde 2006, crio um Setlist mensal com as músicas que mais ouvi naquele mês. Dez anos depois, estou aqui relatando tudo o que venho vivenciado por São Paulo, com muita nostalgia oitentista.